Um estudo realizado em parceria entre o Instituto D´Or de Pesquisa e Ensino – IDOR, o Hospital São Rafael, de Salvador-Ba, e a empresa Apis Flora aponta que o uso do própolis no tratamento de pacientes com a Covid-19 pode diminuir seu tempo de internação. A pesquisa avaliou 124 pessoas internadas no Hospital São Rafael. Todos os pacientes receberam o tratamento padrão, sendo que 40 pessoas receberam ainda 400 mg/dia de própolis, 42 receberam 800 mg/dia de própolis e 42 não receberam nada adicional. Os resultados mostraram que as pessoas do grupo que não recebeu própolis ficaram 12 dias internados, já os pacientes em que a substância foi administrada via oral o tempo médio de hospitalização foi de seis a sete dias.

A pesquisa, intitulada Efficacy of propolis as an adjunct treatment for hospitalized COVID-19 patients: a randomized, controlled clinical trial aponta que o uso da substância pode ser promissor na interferência na expressão de TMPRSS2, que é uma proteína da superfície celular que está envolvida na entrada e disseminação do SARS-CoV-2 no corpo humano. Além disso, a substância pode interferir na ancoragem do vírus no ACE2, que é uma proteína que auxilia a entrada do vírus nas células.

O estudo também observou uma menor incidência de lesões renais entre os pacientes que ingeriram 800 mg por dia. O grupo de controle apresentou 23,8% de lesões, contra 4,% entre os que ingeriram a maior dosagem de própolis. As lesões renais podem ser um fator de risco para infectados pelo vírus causador da Covid-19.

A pesquisa que também contou com a participação de estudantes da Universidade de São Paulo – USP, ainda não foi registrado, e apesar do resultado promissor, mais pesquisas com um número maior de pessoas e outros métodos científicos precisam ser feitas para a sua comprovação.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>