A Câmara Técnica de Tecnologia da Informação e Comunicação reuniu representantes de diversas entidades filiadas à Associação Nacional de Fundações Estatais de Saúde (Anfes) em Salvador nos dias 24 e 25 de novembro. O evento teve palestras, apresentações de cases e encaminhamentos de médio e longo prazo que visam o aprimoramento do atendimento em saúde nas fundações associadas.

n

Segundo o diretor geral da Fundação Hospitalar Getúlio Vargas e vice-presidente da Anfes, Juarez Verba, que no momento representava o presidente da entidade, Carlos Trindade, “o encontro foi bastante produtivo, provocando temas instigantes que revelam o quanto a Comunicação e a TI podem impulsionar a qualificação dos serviços e das relações na saúde pública”.

n

O secretário-executivo da Anfes, Alisson Sousa, também fez uma avaliação positiva: “Esta Câmara Técnica proporcionou o compartilhamento de experiências e reforçou que o investimento em Comunicação e TI é necessário, pois traz informações qualificadas e oferece indicadores para tomadas de decisão”.

n

Entre as ações projetadas, destaque para a integração automática entre os sites das fundações e o da Anfes, o aprimoramento através do ensino à distância, a possibilidade de uma campanha nacional pró-SUS, o desenvolvimento de uma rede social em comum entre as associadas, a marcação de consultas e exames via web e, sobretudo, a busca de um sistema protótipo (software livre) que possa atender e interligar as necessidades das fundações. As ações da Câmara Técnica serão coordenadas pela representante da Comunicação da FESF-SUS, Aline Adorno, e pelo representante da TI da FHGV, André Ribeiro.

n

 

n

PALESTRAS E APRESENTAÇÕES

n

Na manhã de quinta-feira (24), houve duas palestras sobre Integração da Comunicação Institucional e as Novas Tecnologias da Informação. A Doutora em Comunicação e Culturas Contemporâneas, Thaís Miranda, ressaltou a importância do fortalecimento da imagem das instituições de saúde. O Doutor em Administração e sócio da Coolivre, Vicente Aguiar, falou sobre o quanto vale a informação no meio web, e de como a Anfes e suas associadas podem se colocar nesse mercado.

n

Durante a tarde, representantes das fundações apresentaram cases e aprofundaram o debate sobre as questões mais relevantes. Pela FHGV, Ben-Hur Corvello, Eduardo Buchholz e André Ribeiro trataram sobre Desenvolvimento e Integração de Sistemas de TI e Comunicação como Soluções para a Saúde.

n

O médico infectologista, pesquisador e ex-diretor do Centro Especializado em Diagnóstico, Assistência e Pesquisa, Adriano Oliveira, foi o palestrante da manhã de sexta-feira (25). Destacou a relevância da adoção de software livre e a pesquisa que desenvolveu sobre o tema no sentido de buscar soluções que contemplassem as demandas da saúde pública.

n

Nas considerações finais, Alisson Sousa ressaltou que a Câmara Técnica trouxe à tona debates importantes, e sublinhou o “exercício de se valorizar também o que não é emergencial, como forma de se alcançar resultados a médio e longo prazo”.  

n

 

n

Confira as fotos em: https://www.flickr.com/photos/fhgv/albums/72157673217432674

n

Texto: Eduardo Buchholz – Assessor de Comunicação – Fundação Hospitalar Getúlio Vargas

n

 

n

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>