O Tribunal de Contas da União – TCU, em mapeamento realizado para avaliação do desempenho das unidades hospitalares públicas do Sistema Único de Saúde, constatou o aumento de eficiência quando se trata de unidades hospitalares de maior porte, gerida pela administração indireta e localizada em esfera estadual.

n

O trabalho avaliou a eficiência dessas unidades a partir de dados objetivos de insumos, como número de leitos e quantitativo de pessoal alocado, e de resultados, como quantidades de procedimentos ambulatoriais e de internações. De acordo com a pesquisa cada unidade hospitalar seria mais eficiente de acordo com o confronto entre os serviços prestados e os insumos necessários para tanto.

n

Além dos insumos e resultados, a auditoria comparou as unidades hospitalares de acordo com a região do País, o vínculo com a administração pública (direto ou indireto) e a esfera federativa (municipal, estadual ou federal).

n

Levando em consideração os resultados apontados o TCU desenvolveu minuta de referencial básico de auditoria de eficiência das unidades hospitalares para fundamentar a escolha dos critérios para a realização de futuras auditorias de avaliação de desempenho dos hospitais, que é importante para as fundações estatais de saúde que fazem gestão hospitalar.

n

Confira a matéria complementa do site do TCU

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>