A Associação Nacional de Fundações Estatais de Saúde (ANFES) realizou nos dias 06 e 07 de dezembro o Simpósio com o tema: Inovação como peça-chave para gestão em saúde. O evento foi realizado nas dependências do Polo de Inovação em Saúde do Instituto Federal da Bahia (IFBA), reunindo os associados para apresentação de cases, promovendo um debate em torno da inovação.

n

A mesa de abertura contou com a presença do Presidente da ANFES, Alisson Sousa, o Diretor Geral da FESF-SUS, Carlos Alberto Trindade e o Professor Handerson Leite, Diretor Geral do Polo de Inovação Salvador (IFBA).  “Quero ressaltar a sensibilidade da ANFES em trazer esse tema dos avanços da tecnologia na gestão e o quanto isso pode contribuir para o avanço do SUS”, destacou Carlos Trindade.

n

O evento seguiu a programação com a apresentação sobre Inovação em Saúde com Handerson Leite, e Ecossistema de Inovação: Empresa-Universidade-Estado por Paulo Pietrobom. “É necessário tirar os ‘sapatos institucionais’ olhar para o território e trocar conhecimento, entendendo que o trabalho não acaba dentro da fronteira de cada organização”, reforçou Pietrobom.

n

Ainda pela manhã foram realizadas as apresentações: Inovação & Tecnologia da Informação & Gestão em Saúde por Silvio Araújo e Inovação, Participação Social e Segurança da Informação como Garantia de Saúde por Everton Rodrigues. A última apresentação trouxe a ferramenta Empurrando Juntas, software livre para organizações políticas e governos realizarem consultas e deliberações participativas, sem os riscos das bolhas de opinião e da manipulação e polarização dos debates virtuais.  A construção da ferramenta foi realizada por uma equipe de colaboradores engajando três organizações: Cidade Democrática, LAPPIS e Rede Livre.

n

IFBA| A visita às instalações do Polo de Inovação em Saúde do IFBA, realizada durante a tarde, possibilitou uma aproximação entre as fundações associadas e as recentes pesquisas no Instituto, a exemplo do simulador de patologias cardíacas e conhecer a super impressora em 3D capaz de imprimir partes do corpo humano em tamanho real.

n

O Instituto Municipal de Estratégia de Saúde da Família (IMESF) em Porto Alegre trouxe dois cases de inovação: A implantação da Clínica da Família e Implantação dos Protocolos de Enfermagem na Atenção Primária à Saúde apresentados por Michelle Rosseto dos Santos.  A Fundação Municipal de Saúde de Canoas – RS expôs projeto relacionado ao cuidado com animais de rua, que abrangeu cães, gatos e equinos, intitulado A Fundação de Saúde assumindo a gestão do centro de bem-estar animal apresentado por David Freitas.

n

Luzia Vilma Delgado trouxe a experiência da Fundação Estatal Saúde da Família – Ba, com o Programa de Aperfeiçoamento Profissional do Primeiro Emprego. Encerrando o primeiro dia do evento Drª Vera Lucia Marra, da Assessoria de Ensino e Pesquisa da FSERJ, detalhou a Implementação do Programa Nacional de Segurança do Paciente: Experiência de uma estratégia de rede, pela Fundação Saúde do Rio de Janeiro.  A programação do Simpósio seguiu até a sexta-feira pela manhã com as contribuições do advogado Thiago Campos sobre as perspectivas jurídicas para as Fundações Estatais.

n

A cobertura completa do evento estará disponível no canal da ANFES no Youtube: Ascom ANFES.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>